Amarula com Sucrilhos

Amanhã

Hoje eu fraquejei de novo. E de novo. E de novo. Me entreguei a uma barra de chocolate, biscoitos e salgadinhos! Eu estou perdida. Não sei o que está acontecendo comigo, não sei porque estou fraquejando.

Só se que agora, exatamente as 21h31 do dia 03.04.2014, eu sinto uma vontade enorme de vencer. Eu não quero mais ser fraca e cair em tentação. Eu quero lutar, eu quero terminar o meu projeto, eu quero fazer de tudo pra chegar nos meus 74 kgs. 

Eu quero acordar amanhã com muita força de vontade e determinação; eu quero acordar vencedora; eu quero acordar me amando, me achando linda e poderosa. 

Eu vou vencer, não importa o quanto eu tenha que lutar. Mas eu vou vencer. Por mim. 

Tá foda

Cara, tá foda de controlar as gordices. Ontem me entreguei de novo.

Eu queria conseguir dizer: foda-se essa porra toda, não quero saber de ninguém… Mas cara, carência é uma merda! Eu quero sim ter alguém do meu lado. Eu quero sim ter alguém pra cuidar de mim, pra me abraçar, me beijar, dizer que me ama. E por mais que eu não queira, tem horas que bate uma depressão: será que Deus nunca vai colocar ninguém legal na minha vida? Será que eu sou uma pessoa tão ruim assim que não mereça ser amada. 

Sim, eu sei, pensamento positivo atrai coisa boa… Mas tem dia que é foda!! 

Disciplina

Preciso exercitar a minha disciplina e voltar a escrever todos os dias. Me sinto bem quando escrevo. Desabafo. E tiro um pouco da pressão e da dor que sinto no meu coração. De quebra, não fico descontando as emoções na comida. E isso é essencial para eu concluir o meu projeto de emagrecimento. 

Estava indo tão bem no projeto e de repente deixei a ansiedade, o medo, a angústia, a insegurança, a carência, a raiva e milhares de outros sentimentos me possuírem e saí atacando tudo quanto era comida que só me deu um prazer momentâneo. E uma culpa do caralho depois. 

Não quero mais que isso aconteça. Quero levar minha vida de forma equilibrada, em paz. Eu já gosto de mim, mas preciso me amar, assim não fico carente e não crio expectativas com a primeira pessoa bacana que aparece na minha vida. Não posso me permitir entrar no mesmo ciclo de novo. Gostar tanto de uma pessoa que nem se quer vi na vida, só porque passamos horas e horas conversando e porque temos N gostos em comum. Porque a hora que a pessoa já não puxa tanto papo comigo, eu me sinto um lixo… 

Se ame, menina, se ame! E confie. Confie em Deus. Que na hora certa ele vai colocar alguém incrível na sua vida. Acredite!!

“Certo, eu gosto de você. E admito isso sem sombra de dúvidas. Sempre achei meio clichê, e por um certo ângulo hipócrita a ideia de conhecer alguém em poucos dias, e em frações de minutos, toda a sua vida ser alterada, de forma que você já não consegue focar em mais nada do seu dia a dia, pois de algum jeito estranho essa tal pessoa tem tomado todo o seu tempo, seu pensamento, motivado suas ações, e até mesmo mudado a sua maneira de enxergar o mundo. Pois é isso que tu tem feito comigo… Você mexe com o meu psicológico na velocidade máxima. E eu sinto em dizer, mas estou me apaixonando. Quero contar de antemão que não sei o que fazer com toda essa vontade de estar perto de você. Não sei como lidar com esse sentimento precoce que tem me dominado. Tudo bem, a culpa não é sua, fui eu que me deixei cativar pelo seu jeito lindo de me tratar, pela maneira que me enxerga, como se eu fosse a melhor coisa desse mundo. Convenhamos, eu não sou, e mesmo me ouvindo dizer o quanto sou imperfeita e coisa e tal.. Você não se deixa influenciar, e permanece acreditando nessa ilusão meio ingênua que você projetou ao meu respeito. Olha, eu até escrevo bem sobre o amor, mas na prática, sou um desastre natural. Todas as vezes em que me envolvi numa relação, saí de lá destroçada, um caos. Trago comigo marcas de um passado frustrado, a sensação de perda, e um cansaço emocional que não me permite amar ninguém. Sempre que percebo estar apaixonada, dou um jeito de sair de cena e poupar meu coração, pois eu tenho um medo absurdo de ser ferida novamente num machucado que ainda nem cicatrizou.. Mas contigo é diferente, algo me motiva a permanecer, mesmo quando a minha maior vontade é ir embora, e te arrancar de mim. Ainda assim, o desejo de estar contigo é maior que qualquer medo bobo. E eu insisto em lutar por nós, mesmo sabendo que este caminho é incerto. Não sei se ficaremos juntos, mas se tá valendo… Eu guardo aqui dentro uma fé enorme, que me faz crer que não foi por mero acaso ou distração que você entrou em minha vida. E essa fé é o que tem me motivado a confiar em ti, a te idealizar diferente de todos os outros que passaram por aqui. Perdoa a minha insegurança, meu jeito estranho de lidar com esse sentimento. É que eu tenho marcas de um passado triste que insiste em recordar do estrago que outrora foi feito. Queria tê-lo conhecido antes, antes das cicatrizes, antes das perdas, antes das decepções, e dos sonhos roubados, antes de quem sou agora. Eu juro que era melhor, mas é que alguém esteve aqui e devastou tudo antes de ir embora. Espero que escolha ficar, mesmo agora, depois de saber que eu não sou tão boa quanto imaginou. Prometo melhorar por ti, por você eu removo cada partícula de dor e medo que em mim reside. Cê tem o meu melhor, e ainda sendo pouco, quero que saiba que depois que você surgiu, a minha vida inteirinha ganhou cor, adquiriu vida. Nenhum príncipe de conto de fadas, subestima a imagem linda que eu guardo de ti. Você é maior que qualquer sonho frustrado, que qualquer playboy, metido a besta. Cê é pra mim, o que ninguém jamais foi. Cada torpedo recebido, toda palavra de carinho, qualquer resíduo do seu cuidado, tem pra mim, a força de um furacão, o seu efeito em mim, é sem sombra de dúvidas, a definição perfeita da chegada do amor. Cê me ganha facinho, me tem de um jeito que ninguém jamais me teve. Contigo eu mergulho de cabeça no improvável, pois saber que tu tá perto, vale mais que qualquer certeza. A essa hora você tá num show maneiro, e eu fico me perguntando o que você está fazendo agora. Não consigo dormir, porque a saudade de ti me rouba o sono, talvez não esteja pensando em mim agora, mas se quer saber.. Eu não paro de pensar em você nem mesmo por um minuto. Tô pedindo a Deus que te cuide, te guarde, e te proteja de tudo o que é ruim. Tô tentando pensar noutra coisa, mas tudo o que me vem a mente tem ligação contigo. Já sinto uma saudade absurda das nossas conversas, mesmo estando sem contato por pouco tempo. É tudo muito estranho, nunca gostei de alguém assim… Tentei me convencer de que poderia ser atração, desejo, paixão, querer, menos amor, amor não, pelo amor de Deus! Mas é meio tarde pra pensar assim, de um jeito fora do comum, te entreguei meu coração, e quer saber? Não to nem aí pra o que cê vai fazer com ele.. De todas as coisas do mundo, eu só quero poder te abraçar. Porque contigo, tudo soa a felicidade.”
— Caraca, tem mais alguém por aí passando pelo mesmo que eu… Medo, muito medo de me machucar de novo, mas tem sido tão, mas tãaaooo gostoso tudo isso! :) 

(Source: atritar, via aah-loirinha)

Sobre o carnaval…

Nesse Carnaval eu decidi ficar sóbria. Basicamente eu não queria perder todos os resultados que venho conseguindo com a minha dieta. E também porque quero evitar essa sensação de que a gente só pode se divertir com a bebida. Moral da história: achei tudo um saco e vi que vai levar um tempo pra me adaptar a essa realidade.

Carnaval é isso gente! Pessoas bebendo desenfreadamente pra se liberarem e fazerem tudo aquilo que tem vontade de fazer… Beijar quantas bocas quiserem, fazer sexo sem compromisso, dançarem como se ninguém estivesse olhando. Mas juro, sóbria que estava, fiquei olhando aquilo, e observando as pessoas contarem orgulhosamente do quanto beberam, de quantos ficaram, de quantos transaram e pensando: pra que? Qual o propósito disso? O que as pessoas ganham com isso?

Eu sei, se eu tivesse bebido provavelmente teria essas mesmas atitudes. Mas foi bom ter ficado sóbria pra refletir sobre isso: já estou com meus 31 anos, já passei dessa fase de ficar me embriagando pra criar coragem de paquerar, ou de ter ressacas homéricas, ou de não lembrar o que fiz por conta dos efeitos da bebida.

A viagem foi ótima pra descansar e colocar essas reflexões em dia. E cheguei a conclusão de que agora quero buscar um equilíbrio na minha vida: ter uma rotina mais saudável, uma alimentação equilibrada, me sentir mais em paz comigo mesma, me amar mais, gostar mais da minha própria companhia. E depois de tudo isso, sim, encontrar um amor. Eu não quero mais essa vida de  ter que cair na balada, ficar com um carinha aqui e outro ali… Eu quero um cara pra me acompanhar, dividir nossas histórias, crescer junto, amadurecer, curtir juntos.

Eu tenho fé que Deus vai colocar alguém em meu caminho. E enquanto esse dia não chega, quero curtir a minha vida em equilíbrio, fazendo aquilo que gosto, com as pessoas que gosto ao meu redor, apreciando cada momento, buscando evoluir… É, meus 31 anos chegaram junto com muita reflexão! 

Se eu soubesse…

Se eu soubesse, que colocar um ponto final, abrir o jogo e excluir alguém da minha vida me deixaria tão bem, abriria espaço para coisas novas, atitudes novas, pessoas novas.. já o teria feito faz tempo! 

Me senti péssima no dia, mas no dia seguinte decidi que não mais me sentiria assim… e deixei o amor próprio e a felicidade invadirem o meu coração… e sabe o que aconteceu? Nesse curto espaço de tempo, mudei algumas atitudes, novas pessoas entraram na minha vida, me permiti, e passei a curtir a felicidade desse exato momento. 

Tô feliz, tô leve, tô vivendo intensamente, aproveitando cada oportunidade… e com a certeza de que coisas boas continuarão aparecendo na minha vida! 

2014, você tá sendo foda demais, continue assim!!!! 

Mentira gostosa

É a maior mentira lavada, mas foi gostoso ver você falando que vai aparecer na terça só para ver meus lindos olhos. 

Ah, como podia ser verdade essa sua cantada barata hein!! 

(E aí a tonta aqui fica toda esperançosa, cruzando os dedos pra ele aparecer mesmo….)

Devastada

Meu coração está em cacos… As 23h59 do dia 31.12.2013, embalada pelo teor alcoólico altíssimo, fiz o que deveria ter feito a tempos: te bloqueei no whats app e no facebook. Fiquei feliz com a minha atitude. 

Você, muito espertinho, deve ter se ligado, porque passou a me mandar SMS. Aquele, da madrugada, querendo me acordar. E hoje eu fui obrigada a te responder, dizendo o que deveria ter dito há tempos: por favor, não me escreva mais, me ajude a te esquecer. #prontofalei

Foi fácil? Nenhum pouco. Meu coração tá doendo pra caralho, tô querendo chorar, to querendo correr pra te encontrar e te abraçar. Mas eu quero virar essa página, eu quero te esquecer e eu sei que essa dor vai passar. 

Closure

Acho que já passou da hora de deixar o passado no passado, virar a página, colocar um ponto final nesses sentimentos. Quero aproveitar que 2013 está chegando ao fim, e colocar um ponto final nessa história. E, infelizmente, eu só vou conseguir fazer isso se te tirar da minha vida. Pode até ser que um dia eu reapareça, mas por enquanto, não dá mais pra ficar se falando, ou vendo suas atualizações no Facebook, ou trocando mensagens quando estamos bêbados. 

Você fez sua escolha e essa escolha não foi eu. Você me iludiu, me enganou, pegou meu coração e jogou no chão e pisoteou. Você não tem 100% de culpa, afinal, eu te deixei fazer isso comigo. Mas agora chega, basta. Não me manda what’s app, não me manda mensagem no Facebook, não me liga, não me procura. 

Você foi o meu primeiro amor. Eu entendi o que é amor, eu queria compartilhar tudo com você, passar o tempo todo abraçada com você… Vai ser difícil esquecer as nossas longas conversas no telefone. Você é o cara que mais sabe da minha vida. Eu abri o livro da minha história e deixei você ler tudo. Eu deixei você entrar na minha vida do jeito que ninguém nunca entrou. Eu te amei pra valer. 

Mas você não soube reconhecer esse amor e se entregou pra outra pessoa. Assim, do dia pra noite… Como se nada fosse, como se tudo aquilo que a gente tava vivendo não significasse nada. Você me enganou, você mentiu pra mim. Dizia que não podia ficar comigo porque ainda não tinha terminado um relacionamento. Gozado, com a outra você pode ficar, né? 

Não arrependo de ter entregue meu coração a você, de ter te amado… Eu me tornei uma pessoa melhor depois de você. Eu aprendi sobre mim. Eu aprendi do que eu gosto. Eu aprendi a me amar antes de amar qualquer outra pessoa. Eu aprendi a curtir a minha própria companhia, a cuidar mais de mim, a me valorizar e não deixar qualquer pessoa entrar na minha vida. Não mendigo mais amor, porque eu me amo e eu mereço uma pessoa melhor, não qualquer porcaria. 

Mas dói, dói pra caralho saber que apesar de todo meu amor, você não me escolheu! Só que também não dá pra ficar pagando mais de amiguinho não… cada vez que chega uma mensagem sua, eu sofro, me dá saudades, me dá raiva de saber que é com ela que você está. 

Mas então, é isso. Você não vai mais ouvir de mim. Nossa história aconteceu em 2013 e ficará em 2013. Ponto final. The end. 

Eu não vou ter coragem de mandar isso pra você. Mas vai ficar registrado, aqui no meu cantinho, que hoje, 27.12.2013, as 17h37, eu coloquei um ponto final nessa história. Chega. Basta. Eu tô indo em busca da minha felicidade. E eu só que só vou conseguir encontrar meu verdadeiro amor, quando eu virar a minha página. E é isso que vou fazer agora. 

Tchau! Apesar de tudo, fica com Deus, se cuida! Espero que você seja muito feliz! 

Ser Feliz e Agradecer Todos os Dias por Tudo que Temos! :D

Ser Feliz e Agradecer Todos os Dias por Tudo que Temos! :D

(Source: unidos-pela-felicidade)